Poemas e poetas da rua.

Nego ser selvagem,
Para receber ascensão,
Nego seguir caminho,
Que abriga o que é vão,
Mesmo que disso dependa,
Abdicar do que é brilhante,
Nego ser uma venda,
E ter o luxo do instante,
E estante de troféus vazios.

Edgar Sacadura
www.facebook.com/poemasepoetasdarua

Poemas e poetas da rua. Poemas e poetas da rua. Reviewed by Edgar Sacadura on segunda-feira, dezembro 16, 2013 Rating: 5

Sem comentários:

Com tecnologia do Blogger.