PEDIRAM-ME UM POEMA DE AMOR... PEDIRAM-ME UM POEMA DE AMOR... Reviewed by Edgar Sacadura on sexta-feira, setembro 26, 2014 Rating: 5
Excitação, poema visual - ilustração Excitação, poema visual - ilustração Reviewed by Edgar Sacadura on segunda-feira, setembro 01, 2014 Rating: 5
Na busca do ser, perco-me! Na busca do ser, perco-me! Reviewed by Edgar Sacadura on segunda-feira, setembro 01, 2014 Rating: 5
Continuação das ilustrações poéticas Continuação das ilustrações poéticas Reviewed by Edgar Sacadura on segunda-feira, setembro 01, 2014 Rating: 5
Ilustração "Paz do século XXI" Ilustração "Paz do século XXI" Reviewed by Edgar Sacadura on segunda-feira, setembro 01, 2014 Rating: 5
União de Amor União de Amor Reviewed by Edgar Sacadura on sexta-feira, agosto 01, 2014 Rating: 5
Mulheres musas Mulheres musas Reviewed by Edgar Sacadura on sexta-feira, agosto 01, 2014 Rating: 5
Reis do NADA Reis do NADA Reviewed by Edgar Sacadura on sexta-feira, agosto 01, 2014 Rating: 5
Loucuras de amor Loucuras de amor Reviewed by Edgar Sacadura on sexta-feira, agosto 01, 2014 Rating: 5
Paixão Paixão Reviewed by Edgar Sacadura on sexta-feira, agosto 01, 2014 Rating: 5
Olá minhas queridas criaturas! Olá minhas queridas criaturas! Reviewed by Edgar Sacadura on quinta-feira, julho 10, 2014 Rating: 5

Reza à negatividade

quinta-feira, julho 10, 2014
Em atenção desperto, e aos poucos me afasto, Dos tornados destruidores de baloiços, Como primeiro passo de uma libertação. Cria-se uma depre...
Reza à negatividade Reza à negatividade Reviewed by Edgar Sacadura on quinta-feira, julho 10, 2014 Rating: 5

EXORCISMO

quinta-feira, julho 10, 2014
Este é O exorcismo, Aos mutilados, aos agarrados, aos esventrados, De garras plo sangue e eu aos ossos levado, Chorado na imensidão da misér...
EXORCISMO EXORCISMO Reviewed by Edgar Sacadura on quinta-feira, julho 10, 2014 Rating: 5

Soma de 13

quinta-feira, julho 10, 2014
Para o centro do universo em êxtase claro, Existe o jogo dos assassinos sorridentes, Gravado no aço que os cria, na multidão. Porque o mar e...
Soma de 13 Soma de 13 Reviewed by Edgar Sacadura on quinta-feira, julho 10, 2014 Rating: 5

A nau.

sexta-feira, junho 13, 2014
De energias carregada a nau, naufragada nau, Pobre coitada, no mar. De amores perfeitos a nau, naufragada nau, Lá no fundo a descansa...
A nau. A nau. Reviewed by Edgar Sacadura on sexta-feira, junho 13, 2014 Rating: 5
Reza à negatividade sociopata Reza à negatividade sociopata Reviewed by Edgar Sacadura on sexta-feira, junho 13, 2014 Rating: 5
terça-feira, abril 29, 2014
Tremores e convulsões lançavam, Medo de quem desconhecia então, Que a mente é frágil e quebrável, Quando reage mal o corpo à frustração. Edg...
Reviewed by Edgar Sacadura on terça-feira, abril 29, 2014 Rating: 5

Dada

terça-feira, abril 29, 2014
Um dia, avião e tapete de saia. Janelas partidas e erros ortográficus, E a vida passa. Entre os dedos de um Dragão Verde, Verde de Flores e ...
Dada Dada Reviewed by Edgar Sacadura on terça-feira, abril 29, 2014 Rating: 5

"Segredos públicos"

terça-feira, abril 29, 2014
Que a alegria seja o vosso porto, ponto de partida e parto natural, pois só ela nos salvará desta loucura! Edgar Sacadura Retirado de "...
"Segredos públicos" "Segredos públicos" Reviewed by Edgar Sacadura on terça-feira, abril 29, 2014 Rating: 5

Poesia XXIX

quinta-feira, abril 03, 2014
Sem saber, Sou teu… (consumidor de esperanças). Eterno depósito que enches com o teu amor… Acredito neste amor puro, não acreditar seria env...
Poesia XXIX Poesia XXIX Reviewed by Edgar Sacadura on quinta-feira, abril 03, 2014 Rating: 5

Êxtase nos céus

quinta-feira, abril 03, 2014
O perfume do teu corpo cristalino Que me encanta, amor… De infinitas cores se revela em paixão, E o teu sabor a ouro perdura… Aquele que len...
Êxtase nos céus Êxtase nos céus Reviewed by Edgar Sacadura on quinta-feira, abril 03, 2014 Rating: 5
Poema visual. "A minha avó" Poema visual. "A minha avó" Reviewed by Edgar Sacadura on quinta-feira, abril 03, 2014 Rating: 5
Poema visual. Amor Poema visual. Amor Reviewed by Edgar Sacadura on quinta-feira, abril 03, 2014 Rating: 5
Falo - Um poema ao Morde-fronhas Falo - Um poema ao Morde-fronhas Reviewed by Edgar Sacadura on quinta-feira, abril 03, 2014 Rating: 5

Em frente

segunda-feira, fevereiro 24, 2014
Pergunto-me qual será, O reflexo do carácter, Senão aquele breve vislumbre, Que não se manifestará, Sem o romper das barreiras, Agrest...
Em frente Em frente Reviewed by Edgar Sacadura on segunda-feira, fevereiro 24, 2014 Rating: 5
Finalmente livre - Homenagem à Papuça - 09/12/2013 Finalmente livre - Homenagem à Papuça - 09/12/2013 Reviewed by Edgar Sacadura on segunda-feira, fevereiro 24, 2014 Rating: 5

Pensamento

segunda-feira, fevereiro 24, 2014
Uma excelente frase filosófica, não passa de um rascunho da realidade Edgar Sacadura Poemas e poetas da rua
Pensamento Pensamento Reviewed by Edgar Sacadura on segunda-feira, fevereiro 24, 2014 Rating: 5

TEATRO INCOMPLETO

segunda-feira, fevereiro 24, 2014
Entre o nevoeiro de vergonha e medo, Surge um esbelto palco corroído, Ao centro, umas imponentes cortinas vermelhas, Que se abrem, Silênc...
TEATRO INCOMPLETO TEATRO INCOMPLETO Reviewed by Edgar Sacadura on segunda-feira, fevereiro 24, 2014 Rating: 5

Amor antártico

segunda-feira, fevereiro 24, 2014
Co-o-o-o-o-mo-mo-mo eu sei-ei-ei-ei-ei Que-e-e-e o a-mo-o-or o amor-or-or-or-or Che-gou-ou-ou-ou-ou-ou a-a-a-aqui-i-i-i ? Quan-an-an-tos...
Amor antártico Amor antártico Reviewed by Edgar Sacadura on segunda-feira, fevereiro 24, 2014 Rating: 5

Esperança

segunda-feira, fevereiro 24, 2014
"... Amor magia, e vento leve, minha alegria de um futuro breve..." Edgar Sacadura Poemas e poetas da rua
Esperança  Esperança Reviewed by Edgar Sacadura on segunda-feira, fevereiro 24, 2014 Rating: 5
Poesia Visual 3 Poesia Visual 3 Reviewed by Edgar Sacadura on quinta-feira, fevereiro 20, 2014 Rating: 5
Poesia Visual 2 Poesia Visual 2 Reviewed by Edgar Sacadura on quinta-feira, fevereiro 20, 2014 Rating: 5
Poesia Visual Poesia Visual Reviewed by Edgar Sacadura on quinta-feira, fevereiro 20, 2014 Rating: 5

Poetas, críticos e o gado.

quinta-feira, fevereiro 20, 2014
Não sou poeta,  Seria se fosse gente,  Uma pedra no sapato,  Ou pelo menos inteligente,  Menos demente a cada ato. Se fosse poeta, Ou disso ...
Poetas, críticos e o gado. Poetas, críticos e o gado. Reviewed by Edgar Sacadura on quinta-feira, fevereiro 20, 2014 Rating: 5
Poemas e poetas da rua Poemas e poetas da rua Reviewed by Edgar Sacadura on quinta-feira, fevereiro 20, 2014 Rating: 5

Amor

quinta-feira, fevereiro 20, 2014
Meu amor selvagem, Ganimedes e Zeus! Que te fazes cascata, E tempestades de adeus, Minha flor de sangue, Qual Apolo e Jacinto, Que me rouba ...
Amor Amor Reviewed by Edgar Sacadura on quinta-feira, fevereiro 20, 2014 Rating: 5

Eu o mortal.

quinta-feira, fevereiro 20, 2014
Eu, que me vejo entre colinas, Entre cortinas de medo,  Medo de ficar por baixo, Medo de estar no degredo; Eu que por várias vezes,  Ouvi a ...
Eu o mortal. Eu o mortal. Reviewed by Edgar Sacadura on quinta-feira, fevereiro 20, 2014 Rating: 5

OS HOMENS

quinta-feira, fevereiro 20, 2014
Procuram felicidade nas gretas do chão, Casinha, casa, casarão, Procuram amor coberto de safiras, Buracos, bancos, bordeis e mentiras, Procu...
OS HOMENS OS HOMENS Reviewed by Edgar Sacadura on quinta-feira, fevereiro 20, 2014 Rating: 5

Cobardia

quinta-feira, fevereiro 20, 2014
Alguém se esqueceu da lua,  Alguém que canta mel,  No gosto de quem chama,  Ao gosto do drama,  Trama nas notas de Natal, Que já não me r...
Cobardia Cobardia Reviewed by Edgar Sacadura on quinta-feira, fevereiro 20, 2014 Rating: 5

Fase

sexta-feira, janeiro 10, 2014
Riso que cura é de linho, Linho só choro o mais primoroso, Venha o cheiro de azevinho, Bolo, muito vinho, E um dia mais cremoso... Edg...
Fase Fase Reviewed by Edgar Sacadura on sexta-feira, janeiro 10, 2014 Rating: 5
Poemas e poetas da rua Poemas e poetas da rua Reviewed by Edgar Sacadura on sexta-feira, janeiro 10, 2014 Rating: 5

Adeus

sexta-feira, janeiro 10, 2014
Até que consigas dizer,  Até que o sol arrefeça,  Até que sejas único,  De tempos a tempos...  Até que não interesse,  Fica sossegado. ...
Adeus Adeus Reviewed by Edgar Sacadura on sexta-feira, janeiro 10, 2014 Rating: 5

Poemas e poetas da rua

sexta-feira, janeiro 10, 2014
Esta é a nova aventura, Que mundo recto ou curvo, É estória de outra altura. Vem ó mente mais brilhante, Voa no alto d´euforia, Encontr...
Poemas e poetas da rua Poemas e poetas da rua Reviewed by Edgar Sacadura on sexta-feira, janeiro 10, 2014 Rating: 5
Com tecnologia do Blogger.